Você saberia dizer se existe diferença entre sapatos e botas de segurança? Porque sim, elas existem e fazem total diferença para quem está utilizando o acessório.

Ambos os calçados estão inclusos no Equipamento de Proteção Individual (EPI) e devem ser utilizados por trabalhadores dos mais variados tipos de indústrias, como para quem faz serviços de medição de terrenos, por exemplo.

A principal função deste tipo de calçado é manter os pés dos trabalhadores protegidos de qualquer tipo de perigo externo, sejam eles: objetos cortantes, pregos, chão escorregadio, etc.

Esse tipo de orientação está presente na NR-6 e, se caso não for respeitada, pode ser considerada uma ação faltosa e passível de punição por parte da empresa contratante.

Conheça a seguir quais são os tipos de sapatos e botas de segurança e quais são os diferenciais de cada uma das opções.

Tipos de sapatos e botas de segurança e suas diferenças

Dentre os modelos de sapatos e botas de segurança, existem os três tipos mais utilizados pelas empresas: botas de segurança, botas de PVC e sapatos de segurança.

Todos eles são frequentemente vistos sendo usados por trabalhadores de campo, de chão de fábrica ou até mesmo em cozinhas. Tudo isso para evitar qualquer tipo de acidente.

Confira cada um das especificações desses modelos:

Bota ou botina de segurança

Esse modelo serve para proteger o trabalhador de possíveis impactos, danos térmicos, umidade e produtos químicos.

Ele é produzido com um material reforçado, do qual oferece segurança contra “topadas” e quedas de objetos, em ambientes térmicos, evitando que os pés fiquem extremamente quentes ou frios.

Trabalhadores que realizam seu trabalho em campo, como é o caso de quem faz serviço de corrimão de inox ou é distribuidor de piso vinilico, utilizam esse tipo de calçado.

Sapatos de segurança

Os sapatos de segurança são EPIs muito semelhantes às botas comentadas anteriormente e é muito usado por topógrafo profissional.

Eles também oferecem um nível de proteção semelhante, mas, com a estética um pouco diferente do outro modelo.

O sapato de segurança não tem cano, ele fica abaixo do tornozelo, muito parecido com um tênis comum. Ele oferece uma aparência mais casual ao trabalhador, além de ser muito discreto.

Bota de PVC

Por último temos a bota PVC, esse equipamento geralmente é utilizado em ambientes de trabalho que oferecem um risco leve ao trabalhador.

Ela também é muito importante em ambientes em que existe a possibilidade do contato do funcionário com a água, como é o caso de açougues e cozinhas.

Essa proteção é muito importante, pois trabalhar o dia inteiro com o pé molhado pode ser extremamente desconfortável e prejudicial à saúde.